A primeira apresentação do ‘O Dever Me Chama’ foi no Sarau do Merda

Em meados de maio de 2018 recebi o convite para me apresentar no Sarau do Merda, em Olinda, bairro de Nilópolis, no Rio de Janeiro, e aceitei de pronto porque a agenda estava suave, mas eu juro que não esperava que a parada fosse ser tão rica e a recepção tão foda!!!

No dia, antes de ir, recebi a ligação do meu parceiro Passarinho, perguntando se eu podia dar um bonde pra ele e para uma amiga. Ele estava muito empolgado e pediu pra fazer a dobra, porque ele achava que já sabia as músicas que eu iria apresentar.

A empolgação dele me empolgou também, então fomos ensaiando no carro, ele ainda não tinha ouvido a versão da música Dinheiro, que está no disco e ele participa. Fomos cantando e trocando ideia até chegarmos no Galpão 252, que eu apesar de já ter ouvido falar muito, nunca havia estado lá. Lugar incrível, bem legal, bem aconchegante e com uma galera muito potente.

Flyer do evento

Lá encontrei meus conterrâneos morragudenses I-go e Salgado.

Na hora da apresentação, fiquei meio perdido porque não tinha retorno (e eu sou meio surdo), então minha atenção tinha que ficar voltada para o beat, o que prejudica muito a presenta de palco, mas a galera tava atenta na letra e no ritmo, e quando rolou o funkão, a galera fez passinho e tudo mais.

Melhor que isso impossível, melhor primeiro show, melhor impressão!!!

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *